Português English Español

Encontre no Pantanal

Cidades do Pantanal

O Pantanal

Pescaria

Info

Home › Notícias
08/08/2014

Força-tarefa é montada para resgatar onça-pintada em bairro de Corumbá

Do G1 MS com informações da TV Morena



Foto: Michelle Machado/ TV Morena
Carcaças de animais podem ser vestígios da onça na região
A onça-pintada adulta que apareceu na quarta-feira (6) no bairro Universitário, em Corumbá, a 415 quilômetros de Campo Grande, continua escondida em uma toca da região, próxima ao rio Paraguai.

Uma força-tarefa foi formada para tentar resgatar o animal. O felino está refugiado em uma fenda de rochas.

Cerca de 30 pessoas estão envolvidas na ação de captura, entre eles agentes do Corpo de Bombeiros, Polícia Militar Ambiental, Embrapa Pantanal, Fundação de Meio Ambiente e uma equipe do Instituto Homem Pantaneiro. A ação já dura cerca de 20 horas.

Durante a noite, câmeras de monitoramento foram instaladas perto do local onde a onça está escondida. A captura por dardo tranquilizante foi descarta pela equipe por enquanto.

O procedimento agora vai ser instalar armadilhas para garantir a segurança do animal e dos moradores da região, segundo o veterinário da Embrapa Pantanal, Walfrido Gomes.

Três armardilhas que serão usadas para capturar a onça devem chegar à Corumbá no início da tarde. Uma delas é do Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (Cras) de Campo Gande e as outras duas são da Fazenda Nhumirim, da Embrapa Pantanal, que fica na região da Nhecolândia.

A orientação do Corpo de Bombeiros é que os moradores não se aproximem do local onde a onça está. O aposentado Laudir de Souza foi um dos moradores que viu o felino de perto.

Assim como o aposentado, os moradores do bairro passaram a noite em alerta. O pedreiro Luiz Antonio Souza conta que prefere ficar dentro de casa durante a noite, por medo do animal.

Perto de onde a onça está escondida, árvores foram arranhadas, o que pode sinalizar a movimentação do animal. Também foram encontradas por ali diversas carcaças de animais. Os pesquisadores afirma que há dois meses encontraram vestígios de felino nessa mesma região.


Compartilhe: